Governo cancela campanha publicitária pró-reforma da Previdência

In Destaques, Notícias 19 maio, 2017 11:10

“Em virtude dos últimos acontecimentos, estamos solicitando o cancelamento das autorizações da campanha reforma da previdência”, diz e-mail das agências

Por Gabriel Pontes, do Brasília Capital

A crise no governo Temer atingiu em cheio as reformas defendidas pelo presidente. Porém, além de congelar a tramitação das matérias no Congresso Nacional o governo também decidiu cancelar as propagandas pró-reforma da Previdência que estavam sendo veiculadas desde março.

Um e-mail enviado pelas agências que atendem o governo foi enviado a todos os veículos solicitando que a campanha reforma da previdência – 2ª fase – fosse retirada do ar imediatamente. A princípio, a campanha duraria até junho.

“Em virtude dos últimos acontecimentos, estamos solicitando o cancelamento das autorizações da campanha reforma da previdência 2ª fase”, diz o texto.

Você também pode ler!

“É nas ruas que a gente pode derrotar as reformas”, afirma Eduardo Mara

Membro da Direção Nacional da Consulta Popular fala sobre Plano Popular de Emergência. Ouça a entrevista Do Brasil de

Read More...

Requião quer referendo para revogar leis aprovadas sem autorização da população

Em participação na 19ª Conferência Nacional dos Bancários, em São Paulo, peemedebista destaca que o Congresso não tem legitimidade

Read More...

Previdência pode ser votada no mês que vem

Governo quer votar, mas oposição diz que não há voto suficientes para aprovar reforma. Da Agência Câmara, no Diário

Read More...

Responda:

Seu endereço de email não será publicado

Mobile Sliding Menu