Governo cancela campanha publicitária pró-reforma da Previdência

In Destaques, Notícias 19 maio, 2017 11:10

“Em virtude dos últimos acontecimentos, estamos solicitando o cancelamento das autorizações da campanha reforma da previdência”, diz e-mail das agências

Por Gabriel Pontes, do Brasília Capital

A crise no governo Temer atingiu em cheio as reformas defendidas pelo presidente. Porém, além de congelar a tramitação das matérias no Congresso Nacional o governo também decidiu cancelar as propagandas pró-reforma da Previdência que estavam sendo veiculadas desde março.

Um e-mail enviado pelas agências que atendem o governo foi enviado a todos os veículos solicitando que a campanha reforma da previdência – 2ª fase – fosse retirada do ar imediatamente. A princípio, a campanha duraria até junho.

“Em virtude dos últimos acontecimentos, estamos solicitando o cancelamento das autorizações da campanha reforma da previdência 2ª fase”, diz o texto.

Você também pode ler!

Existem alternativas para a relação entre previdência e o envelhecimento da população

O governo declara que, por causa do envelhecimento da população, se a reforma da previdência proposta por Michel Temer

Read More...

‘Reformas de Temer estruturam um novo colonialismo no Brasil’

Luís Eduardo Gomes, no Sul 21 Quais as consequências da reforma Trabalhista para a classe trabalhadora? Essa foi a

Read More...

Previdência: Excluir para crescer ou crescer com inclusão?

A lógica do raciocínio da reforma proposta pelo governo remete à ‘teoria do bolo’ encampada pelo regime militar nos

Read More...

Responda:

Seu endereço de email não será publicado

Mobile Sliding Menu